O Colágeno

Colágeno Para os Ossos na Terceira Idade

Atualizado em 02/02/2019
O colágeno é extremamente benéfico para as pessoas da terceira idade, pois ele ajuda a renovar tecidos, entre outros benefícios. Neste artigo falaremos um pouco sobre o uso dessa proteína que pode ajudar pessoas da melhor idade a ter uma qualidade de vida ainda melhor. Vamos lá?
Colágeno Para os Ossos na Terceira Idade? Sim, ele faz muito bem

Colágeno para os ossos e a terceira idade

Os benefícios do colágeno vão muito além de proporcionar uma boa aparência para a pele, pois a produção dessa proteína no corpo é bastante importante para a saúde das articulações, de forma a combater diversas doenças que dificultam a mobilidade.

Pois, o colágeno é um composto que faz parte da formação da cartilagem, e essa é responsável pela movimentação do corpo. Logo, a falta dessa proteína pode acarretar na degradação da cartilagem, tornando o corpo rígido.

Se você está sentindo dores nas articulações, e dificuldade em se movimentar, confira as dicas que separamos acerca da importância da presença do colágeno nas articulações!

Quais as melhores indicações?

Como já foi dito, a presença de colágeno no corpo é necessária para manter a integridade das articulações e o fortalecimento dos ossos e tecidos.

Mas, a dúvida que surge é: Como posso adquirir colágeno?

Além de uma alimentação saudável, consumindo alimentos que possuem vitamina A, C, e E, compostos antioxidantes ricos em ômega-3, e hidratação diária, para adquiri-lo é indicado o uso do colágeno tipo 1 e tipo 2.

Esses tipos de colágeno irão atuar como amortecedores, de forma que não ocorra o desgaste das articulações dos joelhos, mãos, colunas, e outras partes do corpo.

O colágeno tipo 1 é proveniente da cartilagem de alguns animais, e é responsável pelo fortalecimento e resistência das articulações, apesar de ser bastante usado para fins estéticos. Aliás, a sopa de osso, por exemplo, é rica em colágeno.

Já o colágeno tipo 2 é um composto bastante encontrado nas cartilagens, que possibilita flexibilidade e mobilidade ao nosso corpo, atuando como um anti-inflamatório.
O uso desse tipo de colágeno é o ideal para pessoas que se encontram acima do peso, em idade avançada ou que sobrecarregam o corpo por meio de pesados exercícios físicos.

A carência do colágeno nas articulações provocam dor, dificuldade de movimentação, e doenças como artrose, artrite, osteoporose, tendinite e algumas outras lesões e inflamações.

Algumas dessas doenças são responsáveis pela degeneração da cartilagem, pois provocam a destruição do colágeno presente nas mesmas. Por isso, é necessário a suplementação, para que ocorra o reabastecimento do composto perdido.

Quais produtos devo usar?

Colágeno hidrolisado em pó: esse tipo de colágeno pode ser consumido através da sua dissolução em sucos, vitaminas ou até mesmo em comidas, e a dose diária necessária para que essa proteína faça efeito nas articulações é de 8 a 10 gramas;

O ideal é não realizar nenhuma refeição 3 horas antes, e nem 20 minutos depois de consumi-lo. Além disso, há estudos que comprovam que há uma melhor absorção do colágeno hidrolisado em pó pelo corpo, em comparação com os demais.

Colágeno hidrolisado em cápsulas: o colágeno também pode ser consumido através de cápsulas, e nessa situação algumas prescrições recomendam que haja o consumo de 6 cápsulas por dia durante a primeira semana, e depois diminua o uso para 3 cápsulas por dia.

Para a ingestão, não há horários pré-determinados, mas o indicado é que faça a divisão dos horários de acordo com o número de cápsulas que serão tomadas.

Aproveite os benefícios do colágeno em suas várias formas e tenha uma pele, cabelo, unhas e cartilagens muito mais saudáveis.

Todos os direitos reservados O Colágeno - 2019. Proibida a reprodução de qualquer conteúdo contido no site O Colágeno sem expressa autorização prévia. Site desenvolvido por WEB.2K Marketing Digital e Consultoria SEO.